Onde Está Deus?

Imprimir

A Sociedade Criacionista Brasileira recebeu do casal Rod e Nancy Walsh, ativos membros da nossa sociedade congênere da Austrália, interessante mensagem a propósito dos acontecimentos do dia 11 de setembro de 2001, nos Estados Unidos.

 

Dado o interesse despertado por essa mensagem, e em face de numerosos questionamentos que têm sido feitos a propósito dos acontecimentos ocorridos no dia 11 de setembro de 2001 nos Estados Unidos, a Sociedade Criacionista Brasileira julgou ser oportuna a reprodução da mensagem em seu "site".

 

A filha de Billy Graham estava sendo entrevistada em um conhecido programa de televisão ("Early Show") quando a repórter Jane Clayson lhe perguntou: "Como Deus podia ter deixado acontecer algo como isso?" A resposta de Anne Graham foi extremamente profunda e inspirada: "Creio que Deus está imensamente entristecido com o que aconteceu, assim como nós também, entretanto durante anos temos estado a dizer para Deus retirar-se de nossas escolas, de nosso governo, e de nossas vidas. E sendo um cavalheiro como Ele é, creio que calma e paulatinamente Ele se retirou. Como podemos esperar as bênçãos de Deus e sua proteção, se exigimos que Ele nos deixasse a sós?

"Sei que grande número de e-mails está circulando a respeito dos acontecimentos de 11 de setembro de 2001, mas este realmente nos fará pensar. Se Você não tiver tempo, pelo menos faça uma leitura dinâmica, e atente para os últimos parágrafos onde há algo sobre o que meditar ... à luz das recentes ocorrências ... ataques terroristas, assassinatos nas escolas, etc.

Vejamos. Acho que o começo foi quando Madeline Murray O'Hare (que depois foi assassinada, seu corpo foi encontrado recentemente) rebelou-se contra quaisquer orações em nossas escolas, e dissemos "muito bem!

Então, o Dr. Benjamin Spock disse que não deveríamos castigar nossos filhos quando errassem, porque suas frágeis personalidades poderiam ser afetadas, e poderíamos prejudicar a sua auto-estima (o filho do Dr. Spock posteriormente suicidou-se). Concordamos, dizendo que um especialista deveria saber o que estava falando, e dissemos "muito bem!

Então, alguém afirmou que era melhor que os professores e autoridades escolares não disciplinassem nossos filhos quando se comportassem mal, E os dirigentes da Escola disseram que nenhum professor deveria tocar em um aluno quando ele se comportasse mal, porque não desejavam qualquer publicidade e certamente temiam qualquer ação judiciária. (Há enorme diferença entre disciplinar e tocar, bater, chutar, ferir, humilhar, etc.) E dissemos "muito bem!

Então, alguém disse que deixássemos nossos filhos praticarem aborto se desejassem, e que elas nem mesmo deveriam dialogar com seus pais. E dissemos "muito bem!

Então, algum sábio membro do Conselho Escolar disse que como os meninos crescerão e irão proceder como quiserem, vamos dar a eles todas as camisinhas que quiserem, e assim eles poderão se divertir à vontade, e não temos de dizer a seus pais que eles as receberam na escola. E dissemos "muito bem!

Então, alguns dos mais eminentes políticos que elegemos para cargos públicos disseram que não importa o que fazemos em nossa vida particular, se estivermos cumprindo nossas obrigações no trabalho. E concordamos com eles, dizendo que não nos interessa o que qualquer pessoa, inclusive o Presidente da República, faz em sua vida privada, desde que tenhamos nosso emprego e a economia vá bem.

Então, alguém disse que imprimíssemos revistas pornográficas com fotografias de mulheres nuas, e chamássemos isto de real apreço pela beleza do corpo feminino. E dissemos "muito bem!

Então, alguém mais deu um passo adiante e passou a publicar fotografias de crianças nuas, e ainda outro passo pondo as fotografias à disposição na Internet. E dissemos "muito bem!", eles devem ter liberdade de expressão.

Então, a indústria de entretenimento disse que fizéssemos espetáculos de TV e filmes que promovessem a violência, o sexo ilícito e temas profanos, e que gravássemos música que incentivassem o estupro, as drogas, o assassínio, o suicídio e os temas satânicos. E dissemos que isso era somente entretenimento, sem qualquer efeito adverso, que de qualquer forma ninguém leva a sério, e portanto "muito bem!

Agora, perguntamos a nós mesmos por que nossos filhos não têm consciência, por que não sabem distinguir o certo do errado, e por que não lhes afeta matar estrangeiros, colegas de classe e a si mesmos!

Provavelmente, se pensarmos sobre isso um pouco mais, poderemos compreender. Acho que tudo isso tem muito a ver com "colhemos o que semeamos".

- "Querido Deus, porque não salvaste aquela menina que foi morta em sua sala de aula? Sinceramente, uma aluna preocupada".
- "Querida aluna preocupada, não permitem minha presença nas escolas. Sinceramente, Deus".

É interessante como é tão simples para as pessoas eliminar a presença de Deus e então admirar-se porque o mundo caminha em direção ao inferno.

É interessante como as pessoas acreditam no que os jornais dizem e questionam o que a Bíblia diz.

É interessante como as pessoas podem dizer "Acredito em Deus", mas ainda seguem a Satanás que, a propósito, também "acredita" em Deus.

É interessante como as pessoas são rápidas para julgar, mas não se deixam julgar.

É interessante como as pessoas podem enviar milhares de "piadas" por e-mail, que se espalham como fogo na floresta, mas quando se passa a enviar mensagens sobre Deus, as pessoas pensam duas vezes antes de compartilhar.

É interessante como o que é rasteiro, cruel, vulgar e obsceno tem curso livre no "ciberespaço", enquanto que a discussão pública sobre Deus é suprimido das escolas e dos locais de trabalho.

É interessante como as pessoas podem estar tão despertas a favor de Cristo nos cultos de fim de semana, mas serem cristãos invisíveis durante o resto da semana.

 

 

 

Você está rindo?

É interessante como, ao enviar esta mensagem para outros, as pessoas não identificam o seu próprio endereço, porque não estão seguras sobre o que os outros acreditam ou o que pensarão a respeito delas por estarem lhe enviando a mensagem.

É interessante como as pessoas se preocupam mais com o que os outros pensam a seu respeito, do que com o que Deus pensa.

 

Você está pensando?

Passe esta mensagem adiante, se Você acha que ela merece. Caso contrário, então descarte-a ... Ninguém saberá o que Você fez. Entretanto, se Você descartar este processo de raciocínio, então não se sente nem discuta ou lamente a respeito da situação péssima em que o mundo se encontra!


|              Desenvolvido por Lógika              |
Copyright SCB 1972-2017 - SCB Online 1998-2017 - Filosofia das Origens Online 2005-2017. Powered by 888 poker bonus code